quarta-feira, 18 de maio de 2011

Away, away from home...

Desde março sem qualquer postagem. Aconteceram coisas boas, emocionantes e algumas bizarras nesse meio tempo e logo vão explicar tal ausência.


Ainda em março, minha mammy veio me visitar!!! Fazia muito tempo que ela não vinha pra cá. Depois de dois anos de férias vencidas ela conseguiu e, obviamente, minha atenção foi toda pra ela :-P Deu pra curtir melhor que das outras vezes que foram passagens rápidas. Pode conhecer cantinhos bem graciosos da ilha, pelos quais se apaixonou.
Curtindo um final de tarde na Oficina do Vidro (ambiente super agradável, comidinhas deliciosas e chopp de primeira!)

Depois dos passeios e afins, fui pra Torres. Conheci a Pixirica (olhe lá, veja bem o que você está pensando! hahaha) e Morrinhos do Sul. Que lugarejos mais cuti cuti!!!! Aliás, conheci a super estação rodoviária de Morrinhos, onde pude degustar um lanche extremamente saudável - Ruffles e Coca Cola (na garrafa de vidro ó). O dia estava lindo lindo, clima fresco, foi um passeio pra lá de agradável. O lugar, uma área rural, é daqueles que me lembram a infância no interior. Dá aquela vontadinha de ter um sítio, algumas galinhas, plantar temperinhos e verduras, aiai... rsrsrsrs

Voilá Pixiricá!

Estava tudo indo muito bem, exceto pela tosse constante e intensa que eu já vinha tendo desde fevereiro. Aí ja fazia mais de um mês, e com toda a campanha para prevenção e tratamento da tuberculose bombando na tv, meu stress físico virou mental. Pra piorar o clima mudou e a tosse só fez piorar. :( Me obriguei a ir no hospital fazer uma consulta e um raio x. Qual não foi a minha surpresa, ao ser diagnosticada como tendo um pulmão de fumante crônica e velhaca!?!?!? Logo eu que detesto cigarro...pfff
Apesar de não fazer o menor sentido pra mim, já que apesar da tosse seca eu não sentia dificuldade pra respirar nem nada do gênero, comecei a tomar os remédios receitados para combater essa infecção que aparentemente tinha tomado meus pulmões. Foram 6 dias de tortura. Não estou acostumada a remédios e tomar um bombardeio de 3, incluindo um antibiótico, 3 e 4 vezes ao dia, pra mim, foi de lascar! Parei de tomar dois dias antes do que devia pois não suportava mais os efeitos colaterais, dos quais ainda não me recuperei totalmente. :( Foi muito frustrante, pois acabou estragando a estadia, apesar de todos os esforços e colinhos de mãe e namorido (por telefone, hiper preocupado...um stress geral, pfff).

Tentando me distrair, a mãe pensou em darmos um passeio, e a vó sugeriu Gramado/Canela, que nem ela nem eu conhecíamos (shame on us!) Fica relativamente perto, fomos (eu, mãe, pai e vó) e voltamos no mesmo dia. Obviamente minha cabeça não estava muito legal e não curti tanto quanto eu gostaria, mas ainda assim me maravilhei com a cidade! Mais um lugar que dá vontade de ficar, hahahah (gaúcha, né? hahaha como eu digo, pé de rodinha, não para!) Limpo, organizado... a arquitetura e os detalhes, demais! Cada casinha que se pudesse, faria um Ctrl-C Ctrl-V, tão cuti cuti!

Casa cute, cheinha de chocolates!!!

Por fim, sequelada e desconfiada do diagnóstico, voltei pra Florips para buscar uma segunda opinião descobrir o que de fato estaria acontecendo. Alguns exames de Raio-X, espirometria e teste cutâneo depois, de fato, não havia nada de errado com meus pulmõezinhos! (yesss!!!!) Capacidade respiratória boa e sem problemas de alergia. Pois então???? Ótimo!!!! Apesar das sequelas físicas e mentais...rs Cada uma, viu? Conclusão: evitem máquinas velhacas de Raio X sempre que possível, e médicos precipitados também. Ah! busquem uma segunda opinião!
Depois do alívio, de uma vez por todas, partimos para a reforma da casa! Já apresentava problemas de umidade e iluminação e essa crise foi um ultimato. Agora, nada melhor que prevenir, mudar alguns hábitos e o que mais for necessário!
Como minha tosse já estava bem mais amena, senti uma disposição e tanto que me ajudou na semanada de mudança, triagens, desmonta aqui, arrasta ali...
Me surpreendi por conseguir depois de tanto rolo! Fiquei longe das costuras, até da internet... Mas aos poucos estou retomando as atividades!

Nessa mudança toda, tirei do ostracismo um livro de pães que eu comprei há.... há... ixi! sei lá. Comprei em Torres na infelizmente extinta Nobel (era nosso refúgio de verão, buá!) Ele contém receitas para fazer manualmente e na máquina. Como aqui já temos uma máquina de pães (presente de dia das mães pra minha sogra, dado há alguns anos), não ter feito uma receitinha sequer já estava ficando vergonhoso! hahaha

Enfim, testamos algumas e olha, certeiras! Diferente de antes, os pães (de 1kg) duram só um dia! hahaha Realmente são muito bons! O meu favorito é o de tomates secos e azeitonas. Di-vi-no!!!

O livro dos pães, de Sara Lewis. Só delícias!

Top of the pops! (pelo menos por enquanto...)

Esse foi o primeiro pão, "feito com todo amor e carinho pela máquina", hahaha! Tem também de banana com chocolate - não sobra uma fatia! :-P

Fomos também, pela primeira vez, padrinhos de casamento! Sendo o segundo casamento em menos de 6 meses de que a gente participa, me confirmei uma chorona de cerimônias matrimoniais! :-o Ainda bem que haviam lencinhos nos esperando... Omg! Quantas emoções! :)
Nós e o casal cute, Carol e Leandro. :)))


Além disso, retomamos as gravações e também os ensaios para uma apresentação em Junho com a Dois, só para convidados! *.* Tô ralannnndo pra recuperar a forma, especialmente depois de quase dois meses de tosse! rsrsrs
E para encerrar essa mega postagem, um teaser dos mimos que em breve estarão se exibindo em LindyCrafts!
Bitocas!

4 comentários:

Cloves disse...

Oi Lindsay! Adorei a postagem! Você escreve muito bem! Muitas aventuras...
Se sobrar um lugarzinho na apresentação para prestigiá-los avise!
Beijo

Lindsay disse...

Cloves, querido! Obrigada!!! :) foram muitas peripécias e se fosse escrever tudo...caramba! Quanto a apresentação, não tenha dúvidas que teu nome é um dos primeiros da lista! ;)
Beijos!!!

Denise disse...

Ahhhh guria! Nem me fala desse lance do pulmão, até hoje não entendi daonde aquele médico maluco tirou isso! Afff!! E ter de tomar antibiótico ainda.. Se estando com podridão já arrebenta com a gente, imagina tomar sem precisar.. Pelamor! Mas ainda bem que passou! Agora é só alegria \o/
E quanto aos passeios, já comentei bastante sobre eles né.. Aliás, preciso tirar um tempo pra ir aí visitar vocês e irmos praquelas bandas.. Eu estou descobrindo o RS agora, imagine, eu morei anos em SC e agora que estou conhecendo o Estado vizinho.. Shame on me! o.O
Meu.. q q é esse pão! Deve ter ficado bommmmmm :P~~~~~~~~~ehehe
Bjssss

Lindsay disse...

O pão é um espetáculo! Aliás, recomendo ter uma máquina de pães em casa, que já vem com o próprio livro de receitas. É muito prático, vc não come pão com aquela penca de químicos que vc não faz idéia do que são e de que efeitos terão sobre o organismo. Além disso, o sabor é ótimo e as possibilidades, inúmeras!

Se vc está com vergonha, quem dirá eu que sou do RS e não conhecia a famosa dobradinha Canela/Gramado, entre tantos outros lugares.
Vê se reserva na sua agenda agitada uma visitinha pra Torres hein? ;)

Bitocas!
;)